Não haverá muitas cidades europeias que estejam tão deprimidas com o seu futebol como Gelsenkirchen, que assiste à decadência acelerada com risco de morte do seu Schalke 04. De 15 em 15 dias, o Arena AufSchalke ainda vai tendo lotação esgotada (61 mil espectadores de média), mas a dívida asfixiante de 165 milhões de euros esvazia a esperança de qualquer adepto. Mesmo que o Schalke, que já foi sete vezes campeão da Alemanha, se mantenha na Bundesliga 2 (o que não é, de todo, uma certeza), pode nem sequer ter licença para competir como equipa profissional e ser arrastado para o fundo da pirâmide do futebol germânico. Mas, no mais recente jogo no AufSchalke, não havia apenas espaço para a depressão. Motivo? O St. Pauli estava na cidade.

Fuente