Os supermercados incorporaram a isenção do IVA no preço dos produtos alimentares abrangidos pela redução fiscal, não absorverando qualquer parte da descida temporária do imposto, conclui um estudo de quatro economistas portugueses divulgado pelo Banco de Portugal (BdP).

Fuente