O líder parlamentar do PS acusou esta quarta-feira o PSD de ter adiado a votação da regulamentação do pressão por não ter sido “capaz de resistir a pressões” e a “um conjunto de interesses” ao longo da última semana. Esta quarta-feira, a última data em que os projectos podiam ser apreciados em sede de especialidade, os sociais-democratas forçaram o adiamento da votação, pondo, assim, fim ao processo, uma vez que o Parlamento será dissolvido na próxima segunda-feira.

Fuente